IPCA
0.11 Ago.2019
Topo
Descomplique

Descomplique

Categorias

Histórico

Cuidado, seu trabalho pode levar seu orçamento para o vermelho

Júlia Mendonça

09/09/2019 04h00

Trabalho é lugar de ganhar dinheiro, não de gastar. Pelo menos isso é o que deveria acontecer na teoria. Hoje percebo que esse papel está mudando e que as despesas feitas durante o trabalho estão quebrando o orçamento de muita gente. Muito desse comportamento vem do efeito manada, e outra parte, das facilidades disponíveis ao redor de onde trabalhamos.

Reuni quatro motivos que podem fazer você gastar demais no seu ofício e dicas para mudar isso.

Veja também:

1. Bolões

Os bolões são estrelas nos finais de ano. Todos brilham os olhos com a chance de ganhar milhões de reais de uma só vez.

Quando esses gastos são pequenos, como até R$ 5 uma vez a cada três meses, não há tanto problema.

Tudo complica quando esses bolões tornam-se recorrentes e com altos valores. Mesmo querendo ficar de fora, o medo de ser o único azarado que não participou do bolão força você a participar.

Seja realista nesse momento: a chance de ganhar é mínima. Vale muito mais a pena você guardar esse dinheiro e colocar num investimento ou pagar suas dívidas. Não dependa da sorte para ter dinheiro.

2. Vendedores

O ambiente de trabalho cria um cenário ideal para vendedores inteligentes. Quando ele apresenta o produto para várias pessoas, e uma delas resolve comprar, isso ativa o comportamento de manada, e quem estava em cima do muro com o gasto resolve abrir a carteira.

Os vendedores que aparecem no seu trabalho dificilmente irão vender algo de que você precisa mesmo. Então, fuja deles. Não aceite demonstrações, amostras grátis e outros serviços. É o jeito mais fácil de se livrar de uma compra não programada e desnecessária.

3. Comidas

Não é por acaso que existe uma lanchonete próxima ao seu local de trabalho. É bastante provável que os preços desse comércio não sejam os mais baixos da região, e isso tem um motivo. As compras de lanche ao longo do dia, feitas por impulso ou ansiedade, geram bastante dinheiro para esses comerciantes.

Caso não aguente a tentação de comer fora dos horários de refeição, vale a pena levar comida de casa. Até mesmo para o almoço: criar esse hábito pode gerar uma enorme economia.

Se você não tem essa opção, procure pelos restaurantes mais em conta e evite aqueles colegas que sempre o atraem para os locais mais caros.

4. Transporte

Se você usa transporte público para ir ao trabalho, é inevitável que, nos dias de chuva ou quando está atrasado, chame um táxi ou aplicativo de transporte pela facilidade.

Esse comportamento não chega a ser problema quando não é recorrente. O que não pode acontecer é virar um hábito. Caso necessite mesmo gastar um pouco mais para chegar ao trabalho ou ir para casa, comece a contabilizar essas despesas para evitar que elas fujam do controle.

Lembre-se: o local de trabalho é para ganhar dinheiro, não para gastar! Cuidado com os gastos por impulso. Eles levam seu orçamento para o vermelho.

Descomplique: Mude sua cabeça para ter um "pensamento rico"

UOL Notícias

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Sobre a autora

Júlia Mendonça é formada em comércio exterior pela Universidade Positivo. Atuou como planejadora financeira entre 2015 e 2018. Especialista em orientação e planejamento financeiro pessoal, é coach e consultora de finanças, pós-graduada em investimentos, finanças e banking. É influenciadora digital no nicho de finanças e investimentos em um dos maiores canais do assunto na área do Brasil.

Sobre o Blog

Dinheiro, finanças e investimentos de um jeito fácil e muito prático. O Descomplique vai fazer com que sobre grana no teu mês (e não o contrário!). Com linguagem simples e sem esconder as armadilhas do dia a dia que te deixam no vermelho, aqui você vai aprender a cuidar melhor do teu dinheiro e fazer com que ele trabalhe para você.