Topo
Descomplique

Descomplique

Categorias

Histórico

Como guardar R$ 6.890 em um ano começando com R$ 5

Júlia Mendonça

2004-06-20T19:04:00

04/06/2019 04h00

Entra mês, sai mês e seu porquinho continua magro? Eu entendo sua situação. Guardar dinheiro, afinal de contas, não é tarefa fácil. Quando você tem dívidas, até sabe a razão de não sobrar uma grana no final do mês, mas como explicar um cofrinho vazio quando as contas estão em dia?

Para que isto nunca mais aconteça, apresento três truques infalíveis para que você guarde dinheiro de forma fácil, mesmo que nunca tenha poupado um centavo na vida. Vou te ensinar três truques que vão fazer você economizar sem perceber.

Um deles, é começar com R$ 5 na poupança, depositando, gradativamente, R$ 5 a mais a cada semana. Por exemplo, na primeira semana você guarda R$5, na segunda R$ 10, até que na última semana do desafio você depositará R$ 260 e terá poupado R$ 6.890 em 52 semanas. Ao final deste post você vai encontrar links que vão te guiar em quanto economizar na semana para chegar nesse valor.

Veja também:

É possível ficar rico ganhando pouco?
5 coisas sobre dinheiro que você deveria ter aprendido na escola!
Ganhe mais que a poupança: 3 investimentos para fazer por R$ 100 ou menos!
Pense como rico: 5 hábitos para transformar suas finanças

Desafio dos R$ 5

Este é o desafio mais simples de todos. Toda nota de R$ 5 que passar na sua mão deve ser reservada para o cofrinho. Sem exceção. Se considera R$ 5 muito dinheiro, tente fazer isso com as notas de R$ 2; se acha que essas notinhas miúdas não fazem muita diferença no orçamento, poupe as de R$ 10 ou R$ 20.

Quando propus este desafio no meu Instagram, muitas pessoas disseram que economizaram mais de R$ 300 em um único mês sem passar vontade. A grande vantagem deste desafio é que, ao andar com menos dinheiro no bolso, você passa a gastar menos. Normalmente quando temos um valor na carteira sempre caimos na tentação de gastar com coisas que não precisamos, como um doce na padaria ou uma besteira na banquinha. Dinheiro na mão é vendaval!

Desafio do zero

Todo dia, ao chegar do trabalho, você deve caçar os troquinhos no bolso e chegar ao "zero à direita" com eles. Por exemplo: se você achou R$ 34, deve guardar R$ 4 no cofrinho e ficar com os R$ 30, ou seja, com o zero à direita. A regra também pode se estender a dois zeros: se você tem R$ 125 na carteira, reserve os R$ 25 e deixe os R$ 100 exatamente onde estão.

Você também pode aplicar este desafio na sua conta corrente, transferindo o dinheiro para a poupança. Conheço gente que conseguiu acumular quase R$ 3.000 em um ano nesta "brincadeira". O importante é criar o hábito e, quem sabe, acumular grana para aqueles preciosos dias na praia.

Desafio das 52 semanas

Esse desafio circula na internet há anos e a sua autoria é desconhecida. Existem diversos vídeos, posts e sites dedicados ao assunto em várias linguas e países do mundo. Foi seguindo as tabelas durante 52 semanas que consegui guardar R$ 10 mil em 12 meses.

Durante cada uma das 52 semanas do ano, você deve guardar dinheiro de forma gradativa. Na primeira semana de desafio, sua tarefa é depositar R$ 1. Na segunda, R$ 2. Na terceira, R$ 3 e assim por diante. Na última semana, você deve guardar R$ 52 para obter um total de R$ 1.378.

Para incrementar suas reservas, você pode fazer esta escalada com R$ 2, R$ 5 ou até R$ 7 a mais por semana – quanto maior o valor, mais perto você fica dos R$ 10 mil. O mais legal deste desafio é que você não precisa fazer um planejamento maluco para saber que valor depositar em qual semana –eu já fiz isso por você. Confira abaixo as planilhas dos desafios de R$ 1 a R$ 7 para imprimir e colar na geladeira.

Links para as tabelas do desafio:
Desafio com 1 real (R$ 1.378)
Desafio com 2 reais (R$ 2.756)
Desafio com 3 reais (R$ 4.134)
Desafio com 4 reais (R$ 5.512)
Desafio com 5 reais (R$ 6.890)
Desafio com 6 reais (R$ 8.266)
Desafio com 7 reais (R$ 9.646)

Agora me conta: qual desses desafios você vai começar hoje mesmo?

Descomplique: História do Steve Jobs nos ensina como tratar bem o dinheiro

UOL Notícias

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Sobre a autora

Júlia Mendonça é formada em comércio exterior pela Universidade Positivo. Atuou como planejadora financeira entre 2015 e 2018. Especialista em orientação e planejamento financeiro pessoal, é coach e consultora de finanças, pós-graduada em investimentos, finanças e banking. É influenciadora digital no nicho de finanças e investimentos em um dos maiores canais do assunto na área do Brasil.

Sobre o Blog

Dinheiro, finanças e investimentos de um jeito fácil e muito prático. O Descomplique vai fazer com que sobre grana no teu mês (e não o contrário!). Com linguagem simples e sem esconder as armadilhas do dia a dia que te deixam no vermelho, aqui você vai aprender a cuidar melhor do teu dinheiro e fazer com que ele trabalhe para você.