PUBLICIDADE
IPCA
0,21 Jan.2020
Topo

Histórico

Categorias

Não faça estes 3 investimentos em 2020

Júlia Mendonça

06/01/2020 04h00

A cada novo ano surgem novas oportunidades para ganhar mais dinheiro e expandir os negócios, mas surgem também os falsos investimentos que na verdade farão você perder dinheiro, podendo às vezes até deixá-lo no negativo. Hoje separei 3 investimentos que são vendidos como boas ideias, porém prejudicam, e muito, o seu bolso.

Poupança

Que a poupança está rendendo mal, coitadinha, todo mundo já está cansado de saber. Porém o que poucos sabem de fato é o quão mal ela está. Existe uma regra para a poupança que diz que quando a taxa Selic estiver acima de 8,5% ao ano, a poupança vai render 0,5% ao mês + TR, e abaixo de 8,5%, ela renderá 70% da Selic.

Hoje a nossa taxa está em 4,5% ao ano, fazendo que a poupança tenha seu rendimento anual de 3,15%. Isso não seria um problema tão grande se a inflação acumulada nos últimos 12 meses não tivesse sido de 3,27%, deixando a poupança no negativo.

Em pleno 2020 não se pode mais acreditar que o dinheiro está bem aplicado num investimento cuja rentabilidade é negativa. Você não está recebendo rendimento – está pagando para investir.

Consórcio

Junto com as roupas coloridas e as pochetes, o consórcio, moda nos anos 1980 e 1990, está de volta. Ele serve para facilitar a vida de quem não tem dinheiro para comprar a vista algum bem. Dessa forma, um grupo de pessoas se une, paga mensalmente um valor, com o intuito de ser contemplado pelos sorteios mensais, e assim consegue ter acesso ao item mais rapidamente.

Existe também a possibilidade de fazer lances, que nada mais é do que você dar uma quantia maior do que o valor que paga mensalmente e assim ter mais chances de ser sorteado naquele mês. Infelizmente muitas pessoas especializaram-se nesse tipo de coisa, entrando em consórcios, dando lances altos, conseguindo ter acesso à carta de crédito do consórcio e vendendo mais caro para terceiros.

O problema é que muitos enxergam isso como investimento, porém ele está bem longe de ser um. Se você fica inadimplente, poderá sofrer sérias consequências se for contemplado, como perder o direito, além de ter que pagar multas e juros. Ao final, que poderá levar anos para isso acontecer, receberá apenas o valor necessário para a compra daquele bem e nada mais.

Investindo esse mesmo dinheiro todos os meses, além de não ter a obrigação de fazer aportes do mesmo valor ou pagar multas caso não consiga investir alguma vez, ainda poderá ter muito mais do que o valor que desejaria ter, afinal poderá diversificar e ganhar muito mais com seus investimentos.

Negócios que você não conhece

Sempre tem algum conhecido que tem uma ideia milagrosa de negócio que vai decolar e transformar qualquer um em milionário do dia para a noite. Infelizmente isso não existe. Se algo fosse tão bom e chance única de investimento, as pessoas não ofertariam para os outros, mas, sim, elas mesmas colocariam dinheiro próprio sem contar para ninguém. Milagres e negócios fáceis não existem.

Se você não entende sobre o mercado, sobre vendas, gestão e administração empresarial, a chance de se dar mal e acabar com um prejuízo é grande. Por isso, invista seu tempo, sua energia e seu dinheiro apenas no que você realmente entende e tem experiência.

Veja também:

Como não desistir de suas metas financeiras em 2020 

Quer começar a investir em 2020? Veja bons investimentos para iniciantes 

Passei dos 40 anos! Será que é muito tarde para começar a poupar?

Dicas de como planejar o seu salário – Descomplique #1

UOL Notícias

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Sobre a autora

Júlia Mendonça é formada em comércio exterior pela Universidade Positivo. Atuou como planejadora financeira entre 2015 e 2018. Especialista em orientação e planejamento financeiro pessoal, é coach e consultora de finanças, pós-graduada em investimentos, finanças e banking. É influenciadora digital no nicho de finanças e investimentos em um dos maiores canais do assunto na área do Brasil.

Sobre o Blog

Dinheiro, finanças e investimentos de um jeito fácil e muito prático. O Descomplique vai fazer com que sobre grana no teu mês (e não o contrário!). Com linguagem simples e sem esconder as armadilhas do dia a dia que te deixam no vermelho, aqui você vai aprender a cuidar melhor do teu dinheiro e fazer com que ele trabalhe para você.

Blog Descomplique