PUBLICIDADE
IPCA
0,36 Jul.2020
Topo

Caia na folia, mas não caia no vermelho! Dicas para economizar no Carnaval

Júlia Mendonça

13/02/2020 04h00

Carnaval é uma das festas mais aguardadas pelos brasileiros. Passamos meses planejando onde comemorar, com quem nos divertirmos, mas quase sempre nos esquecemos do nosso bolso. Seu grito de Carnaval, se não for bem pensado, pode custar muito caro!

Infelizmente, devido à grande demanda desta época, alguns custos explodem, como hospedagem e os ingressos para as festas. Porém, existem alguns itens que podem compensar esse gasto extra e fazer seu Carnaval muito mais leve.

Veja também:

Briga com o marido ou a mulher por causa de dinheiro? Saiba resolver isso

Débito ou crédito: que cartão é melhor para você não afundar em dívidas?

Com este passo a passo, garanta sua viagem de julho sem ficar endividado

Seu voo atrasou ou foi cancelado? Saiba quais são seus direitos

Beber e comer

A forma mais fácil de economizar é em bebida e comida. Tudo fica muito mais caro no meio dos foliões. Por isso, se você está apertado de dinheiro vale a pena fazer um esforço de carregar algumas barrinhas de cereal e comprar sua bebida de preferência em um mercado. Fazer um pré-Carnaval na casa de amigos, o famoso "esquenta", pode diminuir seus gastos com bebida alcoólica, porém, muita prudência nessa hora, já que é fácil passar do ponto quando estamos no meio da festa.

Para quem deseja fazer renda extra o Carnaval é uma das melhores ocasiões. Um isopor cheio de água e comida se esvazia facilmente dentro do bloco. Outra dica é comprar pequenos adereços de fantasia para revender.

Transporte

Economize também no transporte. Em grandes cidades, as prefeituras montam esquemas de transporte público para facilitar o acesso dos foliões às grandes festas. Evite usar seu carro, pois os estacionamentos sobem demais os preços sabendo da grande demanda. Além disso, o número de assaltos e as depredações aumentam nessa época, o que pode fazer um rombo no seu orçamento.

Muito cuidado com a combinação direção e bebida. Além de ser ilegal, os gastos gerados por essa imprudência levam qualquer pessoa ao vermelho facilmente. A multa por dirigir embriagado é de R$ 2.934,70, você terá sua carteira suspensa e o veículo recolhido para o pátio. Se causar acidente, seu seguro não irá indenizá-lo e você poderá arcar com os custos das vítimas. Não faltam razões para deixar a direção e a bebida longe uma da outra.

Corrigir o rumo

Com a empolgação de todos, pode acontecer de você gastar muito mais que o previsto. Tenha calma nessa hora e faça seu planejamento financeiro imediatamente. Busque fontes de renda extra e programe os próximos meses para que esse buraco seja compensado. Dá para se divertir muito economizando e até mesmo fazer uma grana para aproveitar ainda mais as próximas festas.00

Sobre a autora

Júlia Mendonça é formada em comércio exterior pela Universidade Positivo. Atuou como planejadora financeira entre 2015 e 2018. Especialista em orientação e planejamento financeiro pessoal, é coach e consultora de finanças, pós-graduada em investimentos, finanças e banking. É influenciadora digital no nicho de finanças e investimentos em um dos maiores canais do assunto na área do Brasil.

Sobre o Blog

Dinheiro, finanças e investimentos de um jeito fácil e muito prático. O Descomplique vai fazer com que sobre grana no teu mês (e não o contrário!). Com linguagem simples e sem esconder as armadilhas do dia a dia que te deixam no vermelho, aqui você vai aprender a cuidar melhor do teu dinheiro e fazer com que ele trabalhe para você.

Descomplique