PUBLICIDADE
IPCA
0,21 Jan.2020
Topo

Histórico

Categorias

3 táticas para sair das dívidas mais rápido, pagando menos juros

Júlia Mendonça

10/12/2019 04h00

Está cansado da falta de dinheiro, das contas atrasadas e de pagar caro em multas e juros? Não quer que mais um ano seja dessa maneira? Se você costuma ler o Descomplique, já deve estar refletindo sobre a necessidade de algumas mudanças na sua vida financeira.

Hoje separei três opções importantes que auxiliam muito quem está numa situação de endividamento e quer sair do buraco o quanto antes, gastando o mínimo possível para isso.

Veja também:

Pare de enrolar! Táticas para se tornar mais produtivo imediatamente

Aprender a fazer esta conta vai mudar sua visão de compras por impulso

Estas 4 atitudes com seu salário ajudarão a sobrar dinheiro para você

Brasileiro quer dar R$ 125 no Natal; parece pouco, mas pode te endividar 

Transforme dívida ruim em dívida boa

A primeira coisa que você precisa entender é que nem toda dívida é tão ruim assim. Cheque especial e cartão de crédito são mesmo péssimas, pois chegam até a 15% ao mês e são os maiores juros do mercado atualmente. Porém, trocá-las por uma dívida de juros bem mais baixos, como 2% ao mês, realmente é mais interessante e um progresso.

Uma opção para essa diminuição é dar um bem em garantia do empréstimo financeiro. Quando você faz isso, acontecem duas coisas: a inadimplência diminui muito, pois ninguém quer atrasar as parcelas com medo de perder seu bem, e a taxa se torna uma das menores do mercado.

Se o que você der em garantia for sua casa ou seu carro, terá acesso ao dinheiro e continuará usufruindo o seu bem, sem qualquer tipo de alteração. No mercado, facilmente achamos juros em torno de 1,5% ao mês, o que dá um grande alívio para o seu bolso. Claro, tenha certeza de que esse empréstimo cabe no seu bolso e você terá condições de pagá-lo.

Encontre maneiras de fazer mais dinheiro

Fazer renda extra com certeza dá uma turbinada na velocidade com que você vai sair das dívidas. Você pode fazer isso trabalhando aos finais de semana, depois do seu expediente normal durante a semana ou até mesmo mantendo um negócio em paralelo pela internet.

A ideia não é que você se mantenha trabalhando demais por um longo período ou se dedique mais a sua fonte de renda extra. Se o seu salário consegue bancar uma vida confortável, porém você está passando por um momento um pouco mais apertado, mantenha-se na ativa com sua segunda jornada apenas por tempo suficiente para sair das dívidas.

Tenha sonhos bem planejados

Não adianta quitar suas dívidas e depois não saber para onde ir, o que fazer. Se você não tem um plano bem definido, provavelmente voltará a gastar como antes e logo estará na mesma situação novamente.

Coloque no seu planejamento financeiro uma viagem dos sonhos, a troca de um carro ou a realização de uma nova graduação. Dedique-se a esse novo plano e coloque pequenas metas no caminho, pois assim sempre estará motivado para não sair do caminho.

Qual sua tática para sair das dívidas? já trocou uma dívida cara por outra mais em conta? Me conta a sua experiência aqui embaixo nos comentários.

Descomplique: cabeça de empresário é segredo do sucesso de KondZilla

MOV Vídeos

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Sobre a autora

Júlia Mendonça é formada em comércio exterior pela Universidade Positivo. Atuou como planejadora financeira entre 2015 e 2018. Especialista em orientação e planejamento financeiro pessoal, é coach e consultora de finanças, pós-graduada em investimentos, finanças e banking. É influenciadora digital no nicho de finanças e investimentos em um dos maiores canais do assunto na área do Brasil.

Sobre o Blog

Dinheiro, finanças e investimentos de um jeito fácil e muito prático. O Descomplique vai fazer com que sobre grana no teu mês (e não o contrário!). Com linguagem simples e sem esconder as armadilhas do dia a dia que te deixam no vermelho, aqui você vai aprender a cuidar melhor do teu dinheiro e fazer com que ele trabalhe para você.

Blog Descomplique